sábado, junho 26

não tem nada acontecendo


Pare! Não tem nada acontecendo.
Se você insiste, você permanece buscando uma solução para um problema que não existe.
Eu sei que você pode provar que o problema existe. Mas só pra sua mente.
Cada vez que você diz: "Eu tenho um problema",
você está fazendo vista-grossa, porque você está referenciando o "você" como objeto observável
em condicões climáticas não favoráveis à sua vontade, ao seu ego.
E isso é negar Aquilo que você é.
Terminantemente.
Você está sendo convidado em Satsang a ver a Verdade
e a Verdade começa a ser vista quando tudo aquilo que você acreditava
é visto como ilusório, como gerador de inferno.
 
 
****
 
 
Stop! There is nothing happening.
If you insist, you keep searching a solution for a problem that doesn’t exist.
I know that you can prove that the problem exists. But just for your mind.
Each time you say: “I have a problem”, you are overlooking because you are referring to “you” as an object that is watchable [being watched] in non-favorable conditions to your will and to your ego.
And that is to deny That that you are.
Categorically.
In Satsang you are invited to see the Truth and the Truth is seen when everything you used to believe is realized to be an illusion, to be the cause of hell.


****


Pare! No hay nada ocurriendo.
Si tú insistes, permaneces buscando una solución para un problema que no existe.
Yo sé que puedes probar que el problema existe. Pero, solo para tu mente.
Cada vez que tu dices: "Yo tengo un problema",
estás ignorando la realidad, porque estás referenciando a "ti" como un objeto observable
en condiciones climáticas contrárias (no favorables) a tu voluntad, a tu ego.
Y eso es negar Aquello que eres.
Categoricamente.
Tú estás siendo invitado en "Satsang" a mirar a la "Verdad"
y la "Verdad" empieza a ser vista cuando todo aquello que creías
es visto como ilusorio, como generador de infierno.

2 comentários:

  1. "condicões climáticas não favoráveis" hehehe...
    Abço capitão.

    ResponderExcluir