quinta-feira, agosto 16

nudez e atraçāo


Nos foi sugerido que "para ficarmos aqui e agora deveríamos controlar os pensamentos". Desse modo, a grande maioria dos "buscadores" carimbou seu passaporte na busca do controle dos pensamentos e o encontro se tornou impossível. Basta que um mínimo pensamento ocorra e você já se considera fora do aqui e agora. Sem a menor investigação a esse respeito, você se "con-funde" com algo que não é você.

O encontro com a Verdade, a comunhão com a Verdade, necessita de uma coragem muito amorosa. É preciso carinho e, de fato, um grande interesse pela Verdade para expor tudo o que você pensa. Para encontrar a Verdade, você terá que perder tudo aquilo que você pensa, tudo aquilo que até hoje tem acumulado como  valioso. Para comungar com a Verdade você deverá estar só e nu, sem absolutamente nada, sem nenhuma ideia ou sentimento a respeito do que quer que seja.

Esse convite é científico, ele é baseado na seguinte equação: o que for Verdade fica – a Verdade é aquilo que fica –, o que não é verdade, o falso, some. Confronte a verdade e vá direto ao ponto. Se há disposição, você está no lugar certo e fico muito feliz que você esteja aqui. Ter coragem de olhar para cada tijolo que constrói a sua noção a respeito de si e do mundo é primordial. Não guarde nada, arrisque tudo! Se chegou até aqui é porque a Verdade já está acesa dentro de você – Ela quer ser vista por você, te está chamando. Confie.

2 comentários:

  1. satya, ai! quanto amor, gratidão, liberdade, doçura. obrigada, muito!!!

    ResponderExcluir